Você pode emagrecer sem tomar remédio

Imagem banner Você pode emagrecer sem tomar remédio | Konjac Massas MF

Existem opções saudáveis para você perder peso de forma natural e saudável 

Muitas pessoas associam o processo de emagrecimento à ingestão de remédios, pílulas milagrosas e dietas restritivas, que prometem uma transformação corporal e perda de peso quase “instantânea”. Se você acredita na eficácia de qualquer um dos métodos citados acima, saiba que a sua saúde pode sofrer grandes riscos.  

A questão é que o emagrecimento reflete na mente, no corpo, no organismo e no estilo de vida. Por isso, qualquer choque inesperado pode trazer consequências à saúde. Tudo começa com um processo gradual de inclusão de hábitos saudáveis na rotina. Diferente do que as formas de emagrecimento relâmpago prometem para o verão, não se pode ver o número reduzido na balança e entender que o jejum prolongado funcionou. 

Quais os perigos dos remédios para emagrecer? 

Mesmo com tantas contraindicações, os famosos remédios “milagrosos” ainda circulam pelo mercado deixando vítimas de suas propagandas enganosas. Esse tipo de medicamento pode causar o efeito rebote quando a pessoa parar de ingeri-los. Além disso, existem relatos de sintomas como: fisgadas no peito, formigamento no corpo, tontura e dor de cabeça, entre outros efeitos colaterais. A automedicação em geral é um enorme risco à saúde. Com os remédios para emagrecimento, não é diferente. 

Toda medicação deve ser prescrita por um médico capacitado a indicar a dosagem correta para cada paciente, que deve seguir à risca e manter acompanhamento com o profissional da saúde. 

Dietas restritivas fazem mal? 

Sim! Regimes restritos a um só grupo de alimentos não ajudam a emagrecer em longo prazo e trazem muitos riscos à saúde. Utilizar esse método poderá levar à perda rápida de peso, mas irá produzir o efeito “sanfona” já que o resultado também será passageiroElas também não dão ao corpo todos os nutrientes necessários para funcionar bem, o que trará sintomas prejudiciais à saúde. 

Por que o jejum prolongado faz mal à saúde? 

Apesar de permitir a perda de peso de forma rápida, esse regime é extremamente prejudicial! Muitos pacientes ficam dois dias por semana em jejum absoluto para que possam ver resultados no fim da semana. Porém, ficar grandes períodos sem se alimentar pode causar problemas no funcionamento dos órgãos, além de tontura, cansaço, degradação de massa muscular e até mesmo desmaios. E o que acontece na semana seguinte? O peso antigo retorna, pois se trata apenas de um resultado instantâneo, mas passageiro. 

Como posso perder peso com saúde? 

Antes de qualquer coisa, é preciso se consultar com uma equipe multidisciplinar para compreender quais novos hábitos se adequam a cada caso. O ideal é equilibrar seus hábitos alimentares, praticar atividade física regularmente e começar aos poucos, com um passo de cada vez.  

É possível perder peso comendo bem? 

Para emagrecer, não é preciso abandonar de vez aquele alimento que você tanto ama e não significa que a vida passará a se dividir entre frutas, verduras e legumes. Claro que a dieta deve passar por algumas transformações e alimentos saudáveis devem ser inclusos no dia a dia. Também não quer dizer que uma pizza no final de semana ou aquela macarronada de dar água na boca não podem existir aqui ou ali. Desde que com equilíbrio, você não precisa abrir mão do que adora comer. 

Konjac ajuda a emagrecer! 

Se você gosta de praticidade, de inventar no fogão e ama massas, a Konjac vem para salvar o dia dos amantes de arroz e macarrão. Com produtos ricos em fibra Glucomanan e com apenas 9 calorias por embalagem, cada pacote vem recheado de possibilidades para a rotina continuar deliciosa e o emagrecimento ser realizado de forma segura e saudável.  

O uso contínuo de Konjac pode aumentar a sensação de saciedade e ainda auxiliar no controle do colesterol, diabetes e triglicerídeos. Dessa forma, é possível emagrecer de forma natural e com saúde, já que o consumo dos produtos potencializa o funcionamento do organismo e inibe a vontade de comer besteiras. 


Publicação Mais Antiga Publicação Mais Recente